millennium linguas terapia ensino

Aprenda Línguas Fazendo Terapia!

Viralize esta boa notícia!

Estude idiomas em cursos que o ajudam a melhorar sua saúde, produtividade, economia, estudos e relacionamentos, através do Método Terapêutico Trilógico de Norberto Keppe.

Richard Jones, Canadá, professor da Millennium Línguas

“Tive um crescimento na forma de pensar e de falar em inglês além do esperado.” M. L. Engenheiro “O Método é muito diferente, é gostoso de aprender, falando de artes, filosofia e sobre nossos sentimentos. Você aprende a viver!” (J. F. Publicitária)

“O que gostei é que o Método une tudo: filosofia, espiritualidade, artes e ciência, até a Nova Física e Keppe Motor, explicando como captamos ou recusamos a Energia Escalar, essencial para nossa vida” (J. N.)

Ao estudar presencialmente ou online ao vivo na Millennium Línguas – o Centro de Idiomas das Faculdades Trilógicas Keppe & Pacheco – o estudante inicia um caminho extremamente positivo para sua saúde, bem-estar, vida profissional e realização. O motivo é o Método Psicolinguístico Terapêutico Trilógico usado na escola, criado pelo psicanalista austro-brasileiro Norberto Keppe, que permite um aprendizado rápido do idioma e uma sensível redução do estresse.
Graças a esse método, aplicado por professores terapeutas psicossociais de várias nacionalidades, o aluno adquire autoconhecimento, que o ajuda em todos os setores da vida.

É o criador do Método, Norberto Keppe, quem explica como ele atua:

“A finalidade de nosso método não é apenas o ensino, mas propiciar uma terapia”, disse ele. “Sua finalidade é para a pessoa aprender não só mais rápido e melhor, mas também adquirir mais equilíbrio, porque mostra um estudo
sintético de todos os universais certos”, explicou.

“É um método para evitar muitas doenças que a pessoa tem por entrar nessa tensão muito grande com conhecimentos parciais e até errados, ou melhor, em sua maior parte errados”, esclareceu.

“Quando a pessoa vai estudar na Millennium, já o intuito da escola, sua estrutura, leva o aluno a uma visão universal, que é a mais adequada, e aí ele melhora, mesmo que não tenha intenção de fazer terapia. Por isso a gente chama de escola terapêutica.”

De acordo com a psicanalista Cláudia Bernhardt S. Pacheco, fundadora da FATRI, o método terapêutico, baseado na ciência keppeana da Psico-Sócio-Patologia, tem sido aplicado em todos os cursos da faculdade, de graduação e pós-graduação – e é utilizado com muito êxito em escolas infantis até o ensino médio. A razão para esses bons resultados é simples, diz ela:

“quando a pessoa se acalma e fica mais tolerante para lidar com seus problemas e dificuldades, seu corpo relaxa e ela melhora o sistema imune, livrando-se de muitas doenças causadas pelo nervosismo (estresse). Os conceitos da medicina
psicossomática de Norberto Keppe são muito usados para os estudantes perceberem isso, conseguindo um desenvolvimento impossível de alcançar com métodos tradicionais de ensino, voltados exclusivamente para o intelecto”.

Artigo publicado no Jornal STOP edição 107

Artigos do Jornal STOP 107:

Nova Física e Saúde: A Origem Energética das Doenças
Keppe Motor: A Tecnologia que Vai Mudar o Mundo
Conserve os seus Dentes Naturais: Cáries Dentárias: Como Evitá-las
A Verdadeira Fonte de Energia
Aprenda Línguas Fazendo Terapia!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*